Como cultivar violetas - parte 1

Cultivando violetas

Texto e fotos da Eng.Agr.Miriam Stumpf.
violeta africana

Como cultivar as violetas africanas

Difícil encontrar alguma pessoa que diga não apreciar esta planta mimosa que é a favorita das pessoas que querem ter dentro de casa flores bonitas e de fácil cultivo.
Como planta herbácea de raízes pequenas, ela não necessita de um vaso muito grande, mas que tenha a boca mais larga, para dar apoio a toda a roseta de folhas.
É comercializada em vasos de plástico de tamanho pequeno que podem abrigá-la até um ano.

O transplante das mudas

1. A violeta em estado vegetativo

   

violeta sem flores
     

Na época em que ficar somente vegetativa, isto é, não tiver flores, poderemos transplantá-la para vaso maior de plástico ou cerâmica.

2. A retirada das folhas mais velhas para criação de mudas

   

mudas de violetas

Nesta época também poderemos retirar folhas para fazer a propagação por estaquia.
As folhas mais velhas são retiradas da porção basal para não prejudicar o visual da matriz.

3. Oenraizamento das folhas novas: preparo do substrato (solo) e o implante

   

mudas de violetas

Vamos fazer a preparação do substrato de enraizamento, neste caso perlita.
Mas pode ser também areia de construção, vermiculita, casca de arroz ou pó de côco.

Encharque abundantemente o substrato de enraizamento e deixar escorrer (deve ser um vaso com furos para drenagem).

    

mudas de violetas

Deixar em local iluminado mas sem sol direto, mantendo o substrato úmido.

Coloque as folhas com ou sem pecíolo, enterrando no substrato.

Continua em Cultivando violetas parte 2.
Clique.

Veja tambÉm

  • Cultivo de violetas parte 2
  • Flores para beija flores
  • Ficha técnica violeta africana

Leia tudo de:
Comentários